sábado, 30 de abril de 2011

" A carta da Cinderela "


Meu querido príncipe,

Como foram maravilhosas essas três noites que tive a alegria de estar presente nos bailes em seu castelo.

Gostaria que soubesse que me senti a mulher mais feliz do mundo por ter tido o privilégio de ser escolhida para ser seu par nesses dias.

O tempo todo em que estive em seus braços dançando naquele deslumbrante salão sentindo o seu olhar  fez desabrochar o amor em meu coração pela primeira vez em minha vida. O calor de suas mãos me tocando e me abraçando a noite inteira me levou a sentir dançando nas nuvens.


Sei que perdi os meus sapatos quando corria antes das doze badaladas e queria te confessar o motivo dessa minha fuga. Tudo o que admiraste em mim não era real, estava produzida unicamente para te encantar e também para que eu pudesse me libertar da minha madrasta e suas filhas.

Fiquei sabendo que mandastes para experimentar os meus sapatos em todas as jovens da cidade, mas com certeza em alguma servirá, mas se pensas que estarei lá esperando para ser a escolhida é melhor tirar essa esperança do seu coração porque já estarei bem longe.

Quero ser uma Cinderela que venha a conhecer novos lugares, que possa aprender coisas novas e estar preparada para fazer as suas próprias escolhas. Não quero ser uma Cinderela que só porque conheceu alguém e sentiu o que é o amor esqueça tudo e me case para viver uma vida dentro de um castelo.

Sonho em ser uma mulher independente  com seus  valores e princípios, mas ser uma Princesa não está naquilo que pretendo para minha vida.

Quero ser uma pessoa simples vivendo feliz em algum lugar e podendo ajudar ao próximo e viver uma vida com dignidade conquistada com meu suor e trabalho.

Deixo esta carta na caixinha do correio que fica perto de uma árvore ao lado da trilha de quem vai para o seu castelo.  Tenho certeza que vai ser rápido em chegar as suas mãos porque é uma caixinha cor de rosa e  fácil de ser vista.

Com todo o meu amor e admiração

A Cinderela

Participação Projeto Suas Palavras
3ªEdição Imagem


Imagem meme
Ism _ rs

sexta-feira, 29 de abril de 2011

" LÚCIA PARABÉNS ATRASADO, MAS COM MUITO AMOR "

Chego no dia seguinte que pode se dizer com um atraso razoável, mas ainda em tempo de poder desejar um Feliz Aniversário a amiga Lúcia Soares do blog  De amor de . . . que o próprio nome nos mostra quanto amor existe neste ser humano. 




Como ela mesma diz " Meu tempo é hoje, minha idade é a razão."  e agora ela faz parte do novo blog  Em Quantos  que se compõe da união de  nove sonhadores que falam sobre sonhos, amor ,sentimentos, arte, idéias e tudo sobre a vida com um conteúdo muito rico. Para saber mais é só passar lá e comprovar o que falo e muito mais.




Nunca é tarde para se expressar o amor e é por isso que estou aqui.


Beijos

terça-feira, 26 de abril de 2011

"O MISTÉRIO DA VIDA "



A vida é um mistério, e, nem todos estão preparados para as grandes revelações que ela possa nos fazer.

Dizer "eu sei tudo da vida" é fácil, pòrém, dizer "eu tenho muito a aprender sobre a vida" é o que pode trazer mais orgulho e satisfação para aqueles que esperam muito e correm atrás de seus objetivos.

Por isso, lhes digo viva a vida de uma maneira que sua presença não seja notada, mais que sua ausência seja eternamente sentida....



texto daqui




domingo, 24 de abril de 2011

" QUERIA TE DAR O MUNDO "


Te dou meu corpo
Até o amanhecer
Para te dar prazer.

Te dou um beijo
Cheio de carinho
Para te acordar.

Te dou um abraço
Bem apertado
Para te acalmar.

Te dou uma flor
Tirada do jardim
Para te perfumar.

Te dou meu amor
Cheio de paixão
Para te alimentar.

Te dou minha vida
Que é só sua
Para te realizar.

Te dou o meu coração...
queria dar o mundo.

Participação Projeto Suas Palavras
2ªEdição Sentimento
  

Quer ganhar um livro ?
 
Clique na Imagem e Concorra

Mãe é tudo igual completa um ano com essa Promoção
O blog em parceria com a Editora Intrínseca vai presentear com dois exemplares do livro Grito de Guerra da Mãe Tigre às leitoras do "Mãe é tudo igual".
Para participar você, que possui um blog, pode escrever um artigo até dia 8 de maio com o tema : O quanto de mãe chinesa há em mim? e deixar o link na seção de comentários aqui .
Querem saber mais detalhes passem lá no Mãe é Tudo igual e aproveitem para conhecer e participar desta promoção.
Vanessa - Alguém que gosta de contar Histórias

quarta-feira, 20 de abril de 2011

" Blogagem Coletiva Meu Personagem Infantil - 1 ano do Buteco do Lufe "


Hoje o blog Buteco do Lufe completa 1 ano e para comemorar essa data o anfitrião e querido Barman Lufe  promoveu uma Blogagem Coletiva do Meu personagem das histórias infantis. Quando olhei o selo convite aceitei participar de primeira. Falar de meu  personagem infantil e ainda poder estar compartilhando dessa festa de aniversário só me deixa muito feliz.


Como diz o Lufe o Buteco é nosso então já vou pegando o meu copo , me servindo de um aperitivo, beliscando um petisco e começando a prosear. Para quem me conhece adoro um papo e ainda mais se vou falar sobre o meu personagem infantil que já rola há um bom tempo. Tempos que ficam marcados para sempre em nossa memória.

Meu personagem Infantil



Sou fã de carteirinha da Luluzinha  e põe tempo nisso. Luluzinha a garota irreverente que decretou a independência feminina, um dos maiores clássicos das histórias em quadrinhos e desenhos de todos os tempos. Bochechas rosadas, vestido vermelho, calção branco, cabelo cacheado, sapatos caramelo e uma disposição para criar uma confusão. Quem não se lembra, dentre outros, do Bolinha, seu melhor amigo, da Aninha sua amiga confidente, e de Dona Marocas, sua mãe?

A personagem Luluzinha é norte-americana e foi criada em 1935 por Marjorie Henderson Buell. Uma das mais inesquecíveis e divertidas histórias em quadrinhos de todos os tempos completou, em fevereiro de 2010, 75 anos.
A Luluzinha apareceu a primeira vez em 1935 numa HQ publicada no Jornal The Saturday Evening Post.

O Primeiro Gibbi veio em junho de 1945
estampado e com roteiros e desenhos de John Stanley.

     

Só em julho de 1955 foi que a HQ chegou às bancas brasileiras,
permanecendo em circulação até 1993.

   


Nas HQ da Luluzinha não podia deixar de ter o seu amigo inseparável , o Bolinha, parceiro presente em todas as horas e claro sempre no meio de uma briga ou de uma  confusão.  É criado então  o famoso Clube do Bolinha e começa a interminável competição de  Meninos x Meninas. 


Separei este vídeo que encanta mostrando o lado sensível e doce da pequena Luluzinha e o carinho e dedicação de sua mamãe Dona Marocas.



* * * * * * * 


                                          Luluzinha é meu personagem
                                          Uma garota muito sapeca
                                          Feliz em estar nesta festa
                                          E participar desta Blogagem.

*  * * * * * * *




Um brinde pelo 1º aniversário do Buteco do Lufe 



Ofereço este selo como lembrança pelo 1º aniversário do 




Informações daqui

domingo, 17 de abril de 2011

" Cantando para o amanhecer "


Somos amigas curtindo a vida
Aproveitando que estamos juntas
Depois de uma noite de festa
Caminhamos pelas ruas cariocas.

Continuamos no ritmo da melodia
Esperando amanhecer o dia
Entoando uma linda canção
Acompanhadas de um violão.

Somos amigas de verdade
Amigas que o tempo nos uniu
Apesar de morarmos distante
Conservamos essa amizade.

Tudo é motivo de comemoração
Cansadas no chão vamos sentando
Cheias de alegria seguimos cantando
Músicas alegres e cheias de emoção.

Conforme vamos cantando
O astro Sol vai nascendo
Um lindo dia vai surgindo
E com sua beleza nos embalando.
Participação Projeto Suas Palavras
1ª Edição Sentimento

sexta-feira, 15 de abril de 2011

" INFÂNCIA - BLOGAGEM COLETIVA FASES DA VIDA " (atualizado)



Esta é minha participação na Blogagem Coletiva Fases da Vida promovida pelos blogs ESPIRITUAL-IDADE da doce amiga Rosélia, PUBLICAR PARA PARTILHAR da amiga Rute e NAC0 ZINHA da amiga Gina.

Passamos para a 2a. Fase com o tema INFÂNCIA que é um momento  de boas recordações, de muitas saudades e para falar um pouco sobre esta fase vou fazer uma viajem pelo tempo e convido a todos vocês a embarquem comigo compartilhando dessas emoções, conhecendo a minha família e um pouquinho mais da minha vida.  


Saudades do meu tempo de menina



Envolta em meus pensamentos, viajando por um mundo de recordações - quantas saudades. E aí me pergunto: “Se você pudesse viajar no tempo para que fase de sua vida voltaria? Mudaria alguma coisa?



Voltaria a minha fase de menina alegre, sapeca, chorona que adorava passear na pracinha, brincar com as outras crianças nos balanços, nos escorregas, nas cangorras , dar pão aos patinhos no lago, catar joaninha e guardar na caixinha de fósforo, pegar flores no chão e guardar para dar para a vovó quando chegava a casa, ah quanta coisa que passa pela minha mente - são vagas lembranças, - momentos que passam. Consigo visualizar a linda praça com suas árvores, seu lago cercado de pedras e flores, que hoje não tem mais nada disso... Está toda cercada por grades... Como o mundo mudou e trouxe com tristeza a violência gerada por pessoas que não tiveram a felicidade de ter um lar, uma infância, uma família que desse o mínimo necessário - o AMOR , que não custaria um tostão , para hoje ser alguém na vida.



Para completar a minha viagem pelo tempo não poderia deixar de falar da minha muito amada, muito linda, saudosa de alguns e maravilhosa família. Como estou viajando no tempo revivo um momento inesquecível onde a família se prepara para o papai tirar uma foto e que lindo ver - olha que escadinha - Vovó , Mamãe , euzinha (no meio) com meus irmãos - não posso esquecer-me de citar o xodó da minha maninha Lu que é o macaco e do papai que está atrás da máquina tirando esta foto.



Respondendo se mudaria alguma coisa digo, do fundo de minha alma, que não mudaria nada, nem uma vírgula, porque estou aqui saudável, feliz por ter construído uma família, por ter superado todas as dificuldades que o mundo nos prepara. Muitas outras coisas mais que não importa porque o bom é que estou aqui escrevendo para vocês e falando um pouquinho de mim.


Meus amigos
Que bom estar recebendo tantos comentários o que agradeço de coração.
Sâo muitos blogs participantes além dos amigos que chegam e compartilham também.
Estarei aos poucos visitando a todos.
Bom domingo e uma linda semana!

Beijos


imagens da autora
e da google

quinta-feira, 14 de abril de 2011

" O SONHO "



Sonhe com aquilo que você quiser.

Seja o que você quer ser
porque você possui apenas uma vida
e nela só se tem uma chance
de fazer aquilo que quer.

Tenha felicidade bastante de fazê-la doce
Dificuldades para fazê-la forte.
Tristeza para fazê-la humana
E esperança suficiente para fazê-la feliz.

As pessoas mais felizes não têm as melhores coisas.

Elas sabem fazer o melhor das oportunidades
Que aparecem em seus caminhos.

A felicidade aparece para aqueles que choram
Para aqueles que se machucam
Para aqueles que buscam e tentam sempre.

E para aqueles que reconhecem
a importância das pessoas que passam por suas vidas
.
 
* Clarice Lispector *




Sempre é bom parar para sonhar, rever nossa vida e
mergulhar de cabeça naquilo que te faz bem, que te traz felicidade.

domingo, 10 de abril de 2011

" Meninas vaidosas "

Meninas vaidosas que carregam a pureza de um anjo, que sonham em andar de salto alto, em usar roupas coloridas, lindos chapéus e bolsas que carregam tudo que precisam para se enfeitarem.

Que continuem sendo meninas por algum tempo e brinquem sem maldade.

Que fiquem longe do mal, da violência para que não carreguem o medo em seus corações.

Que Deus as proteja de qualquer ato insano para não destruir essa inocência enquanto ela poder sobreviver.

" Faça coisas simples de forma simples "
 
Desliguei a TV para não mais ver e ouvir o que machuca e dilacera o meu coração. Preciso relaxar e dar tempo para que as feridas cicatrizem e as famílias e vítimas possam se recuperar de tão grande dor.
A mídia é necessária, mas não precisa repetir tantas vezes a mesma coisa. Quer IBOPE então use outro tipo de mídia, mas pare com esse marketing da morte. Uma  tragédia que já criou um clima pesado, um mal-estar, o luto, a depressão em que o assassino de Realengo mergulhou um país inteiro.  

Instagram

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails